Golpes no Whatsapp: Saiba como eles funcionam e como se proteger!

Golpes existem desde que o mundo é mundo, e com a disseminação da internet e …
Anúncio

Golpes existem desde que o mundo é mundo, e com a disseminação da internet e redes sociais, os golpes que não existiam no passado, hoje em dia estão presentes na vida das pessoas. O Whatsapp é o aplicativo mais usado pelos brasileiros, e com isso, é natural que pessoas mal intencionadas tentam se aproveitar disso.

Entre os golpes mais comuns, estão a disseminação de links com promoções falsas, clonagem de números e pessoas se passando por outras.

Anúncio

Por meio do aplicativo, os criminosos conseguem enganar suas vítimas, se passando por outras pessoas ou por empresas, e incitam-nas a compartilharem os golpes, criando assim uma rede de vítimas, que só vai aumentando.

Conheça os principais golpes no Whatsapp

Foto/ Reprodução: PixaBay
Foto/ Reprodução: PixaBay

Golpe na Páscoa

Em 2018, os criminosos se aproveitaram do período que antecipa a Páscoa para aplicarem um golpe com uma temática diferente, que por meio de uma propaganda enganosa que era compartilhada pelo Whatsapp, prometia vales-presente no valor de 800 reais!

Anúncio

Para fazer com que tudo parecesse ainda mais verdadeiro, os bandidos usavam até mesmo a imagem de coelhos e de chocolate, símbolos comerciais da páscoa, para prender a atenção das pessoas e as convencerem da veracidade do link que encaminharam, que direcionava a uma página chamada “Páscoa Premiada”, que não era vinculada ao nome nenhuma marca.

Da mesma maneira de outros casos, a vítima preenchia um formulário para estar elegível para a ‘promoção’, e desta maneira, sem ter ideia do que estava acontecendo com ela, autoriza que seu aparelho celular receber notificações de hackers, que assim teriam acesso a seus aplicativos e dados, inclusive aos dados bancários.

Nesse período de Páscoa, tome muito cuidado para não ser enganado com links maliciosos, e assim como mais de 300 mil pessoas fizeram em 2018, não cair no Golpe da Páscoa.

Anúncio

Número clonado em golpes no Whatsapp

Golpes com a clonagem de números de telefone são um dos mais comuns e antigos, mas que com o passar do tempo, só vem se reinventando.

Um dos últimos golpes aplicados é o chamado “número clonado do Whatsapp”, no qual os criminosos compravam um chip novo e entravam em contato com operadora para resgatar o numero antigo daquele chip, com a desculpa de terem sido roubados ou perdido o chip, e assim, entravam em contato com os amigos e familiares do antigo dono do número, e assim faziam suas vítimas.

Por meio dos contatos do Whatsapp, os criminosos mandavam mensagens às pessoas se passando por seus conhecidos, com a desculpa de que ‘seus entes’ estariam precisando de dinheiro para pagar uma conta ou fazer uma compra, e assim pediam que as vítimas depositassem uma quantia na conta dos bandidos.

Anúncio

Para evitar cair nesse golpe, sempre tenha a sua verificação em duas etapas, o serviço de segurança do Whatsapp, em dia, e se por acaso algum conhecido lhe contatar nestas situações, tente entrar em contato com ele diretamente, pessoalmente ou por ligação, para assim confirmar a história.

Falsa consulta ao PIS

Outro golpe que fez muitas vítimas foi o da consulta do PIS, que lesou cerca de 116 mil pessoas por meio do acesso de um link que circulou no Whatsapp, que prometia uma forma mais fácil de se visualizar o saldo disponível do benefício.

Assim como em outros, neste golpe o usuário teria que responder a uma série de perguntas, inclusive de dados pessoais, para que conseguisse ter acesso ao conteúdo.

Site Falso

Este método é um dos preferidos dos golpistas, já que as vítimas são enganadas muito facilmente.

As vítimas recebem um link que leva a um site falso, quase idêntico ao site original da marca, por conta de uma promoção falsa, falsa vaga de emprego ou afins. Uma vez lá, a vítima geralmente preenche um formulário com seus dados pessoais, que vão diretamente para os golpistas.

Recarga ilimitada

Geralmente aplicado em grupos que contenham muitas pessoas, o famoso golpe da recarga ilimitada promete serviços de recarga de celular por um preço muito menor do que o encontrado no mercado, ou até mesmo com saldo ilimitado, ou com ainda outras vantagens.

Dependendo do golpe, a vítima deve baixar um aplicativo ou acessar algum link, que assim como na maior parte dos outros golpes, pode dar acesso aos seus dados bancários e de cartão de crédito, baixar vírus no seu smartphone ou até mesmo garantir o acesso dos golpistas ao seu aparelho celular!

Como se proteger dos golpes no Whatsapp

Foto/ Reprodução: PixaBay
Foto/ Reprodução: PixaBay

Os golpes estão aí, então é preciso ter muita cautela e cuidado com os seu Whatsapp! Abaixo, aprenda a se proteger dos mais diversos tipos de golpes que circulam pelo aplicativo:

Mantenha o seu aplicativo sempre atualizado

Para que você possa se proteger dos golpes do Whatsapp, é muito importante que você mantenha o seu aplicativo sempre atualizado, já que assim, você sempre contará com as últimas atualizações do sistema, que está sempre buscando soluções para os seus usuários, como a verificação em 2 etapas.

Ative a verificação em 2 etapas

A verificação em 2 etapas se trata de um código de bloqueio que permite que o usuário crie uma senha de 6 dígitos que será solicitada toda vez que ele registrar o número do seu telefone no aplicativo.

Com essa função, pessoas desconhecidas ficam impedidas de verem suas mensagens, e a ação torna mais difícil o roubo ou clone do aplicativo por parte de criminosos.

Para ativar a função, basta selecionar “Configurações”, e depois “Conta”; Após, clique em “Confirmação em duas etapas” e escolha a opção “Ativar”. Feito isso, basta criar a senha de seis dígitos e avançar, e depois informar um email que será utilizado para a recuperação da sua conta caso você se esqueça dos seis dígitos, e pronto! Sua segurança do Whatsapp estará completa!

Nunca disponibilize códigos enviados por mensagem

É importante ressaltar que você nunca deve disponibilizar a ninguém, códigos recebidos nas suas mensagens, já que estes servem para a verificação de segurança dos mais diversos aplicativos. Caso esteja em mãos erradas, pessoas mal intencionadas podem usá-los para mudar o seu login em contas e aplicativos, e até mesmo autorizar ações que você não gostaria.

Agora que você já sabe como se proteger de golpes no Whatsapp, confira a nossa matéria que fala sobre o mais novo método de pagamento digital, o Pix, clique aqui e tenha acesso a ela.


O seu portal do mundo tec.

Carregando…